Principais Dúvidas sobre Vacinação

Como as vacinas funcionam?

Para entender o mecanismo das vacinas precisamos entender como adquirimos imunidade contra micro-organismos:

  • O primeiro contato com vírus/bactérias/fungos/parasitas inicia a produção de anticorpos específicos. Nesse momento, a resposta é lenta e não tão efetiva.
  • Após a produção de anticorpos específicos, a resposta imunológica torna-se altamente eficaz, o que culminará com a eliminação do patógeno
  • Também, são produzidos anticorpos de memória contra aquele bicho específico, ou seja, que permanecerão em nosso corpo por longos períodos. Em caso de novo contato com o micro-organismos, esses serão os anticorpos ativados.
  • Assim, em um segundo contato, devido aos anticorpos de memória, a resposta imunológica é muito mais rápida, levando a eliminação do micro-organismo até mesmo antes dos sintomas se manifestarem

A vacina contém uma proteína específica do vírus ou bactéria e assim, quando inoculado em nosso organismo, ele já o reconhece e inicia a produção dos anticorpos específicos. Dessa forma, quando em contato direto com o micro-organismo, a resposta será muito mais rápida e eficiente.

vacina2
Fonte: Cefal/Unifal

Quais são os tipos de vacina?

Hoje em dia temos dois tipos de vacina:

  • Composto de partes mortas do micro-organismos
  • Micro-organismos vivos enfraquecidos

É verdade que posso adquirir a doença através da vacina?

No caso das vacinas compostas por partículas de micro-organismos, ou seja, partes mortas, não é possível. Já nos casos de vacinas com micro-organismos atenuados existe uma chance pequena, que varia de acordo com a vacina indicada.

 

Quais são as vacinas de partículas mortas?

São as vacinas contra os seguintes micro-organismos/doenças:

  • Hepatite A
  • Hepatite B
  • Difteria, coqueluche e tétano
  • Haemophilus influenza B
  • Pneumococo
  • Meningococo
  • Gripe (Influenza)
  • HPV
  • Poliovírus inativado (VIP)

 

Quais são as vacinas com micro-organismos atenuados (vivos enfraquecidos)?

São as vacinas contra os seguintes micro-organismos/doenças:

  • Rotavírus
  • Poliovírus oral (VOP) – conhecido como “Zé Gotinha”
  • Sarampo, caxumba, rubéola
  • Varicela (ou Catapora)
  • BCG (contra formas graves de Tuberculose) – fornecida ao nascimento
  • Febre Amarela

 

Qual a importância das vacinas?

As vacinas são o meio mais seguro e eficaz de nos protegermos contra doenças infecciosas. Algumas doenças inclusive foram erradicas devido a vacinação, como a poliomielite (paralisia infantil) no Brasil e a varíola em diversos países.

 

Qual o risco de não vacinar o meu filho?

Ao não vacinar o seu filho ele fica susceptível aquela doença específica. É verdade que ao contato com ela ele pode criar anticorpos e combatê-la, mas também pode evoluir para uma forma mais grave da doença, com possíveis complicações.

Como não há como saber quem pode evoluir para formas graves de doenças, é ideal que a proteção seja feito em todos.

 

Quem deve consultar o médico antes de tomar vacinas?

É importante que o sistema imunológico esteja funcionando adequadamente para que as vacinas tenham a reação esperada de proteção.

Por isso, pessoas que apresentam alterações de imunidade devem consultar o seu médico antes de vacinar!

Esses pacientes incluem:

  • Imunodeficiências primárias
  • Pacientes com HIV
  • Pacientes que usam medicamentos imunosupressores, como acontece no tratamento de câncer e doenças auto-imunes.

 

Fonte: Sociedade Brasileira de Imunização

 

 

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s